sexta-feira, 22 de junho de 2012

Samba e Pagode - Letras de Músicas - Sanfosamba



       Chuva de canivete

Introdução CGC7FC

Seja lá como for,
De cavalo ou de charrete
pode chover canivete
Vou sair pro arrasta-pé
Ver se eu encontro uma mulher decidida
Pra mudar a minha vida
ter de novo um grande amor
     
Eu vou zoar
Ouvindo moda sertaneja
Procurar quem me deseja
E se achar quem não me beija
Eu encho a cara de cerveja

E se achar quem não me beija
Eu encho a cara de cerveja

Vou atrás de um novo amor
Tou com falta de carinho
Já cansei de tar sozinho
E viver sem ter calor
Eu vou cantar, vou me soltar pelo salão
agarradinho no bailão
até o suor virar vapor

Eu vou zoar
cantar, pular a noite inteira
E se achar quem não me beija
Eu encho a cara de cerveja

E se achar quem não me beija
Eu encho a cara de cerveja




  Morro ponto com (Samba)

Introdução A E D A D E

Botaram telefone lá no morro
Fiz uma lan house lá no meu barraco
Pus piso importado, revesti o forro
No Cê Pê Dê um frigo-bar bem novo

Tem chá bem quente quanto fizer frio
Coca gelada se fizer calor
No breaker, escâner, mouse sem fio
Internet banda larga no computador

W.W.W.
O bate-papo entra num segundo
Orkut, MSN, web-site
O morro on-line com o mundo

Agora o meu barraco tem email
Se quiser teclar comigo preste atenção
É só deixar mensagem no outlook
Morro arroba ponto com

Morro arroba ponto com

Morro arroba ponto com


© Direitos Reservados
Inácio Dantas e Luciano Pasqual

2 comentários:

  1. Eneida, a 1a. música foi gravada em forma amadora. Ficou muito boa a gravação. Abs.

    ResponderExcluir